Loading...

sexta-feira, 4 de junho de 2010




Aromas
recolhidos em cartas
que navegam em mares
sustentáveis,
por beijos e lembranças ...

2 comentários:

SolBarreto disse...

Aromas esse que passam anos anos e jamais sao perdidos ou levados pelo tempo...
Adoro teu palavreado de cria! rsrs

Sandra Waihrich Tatit disse...

Bom Dia!
Linda postagem, alegria aos olhos e ao coração, pela beleza do poema.
Beijos, Sandra